Tirei 960 na redação do ENEM no 1° ano do Ensino Médio!

10 Abril, 2019
Compartilhe nas redes sociais

Eu fiz a prova do ENEM ano passado, quando ainda estava no primeiro ano do Ensino Médio, apenas para treinar quando o terceirão chegasse. Quando o dia do resultado chegou, abri o aplicativo do ENEM no meu celular, super descontraída, sem nenhuma expectativa. De repente, lá estava: 960 pontos na redação. Foi uma surpresa, eu realmente não estava esperando, li e reli a redação com uma sensação no peito que não consigo explicar. Sei que é apenas uma nota, mas me fez pensar sobre muita coisa dos últimos anos até esse momento. Por isso, além de vocês terem me pedido para postar aqui o texto para poderem ler, fiz esse post para contar minha relação com a escrita e como tudo que fiz me ajudou a alcançar essa nota tão cedo. 

Sempre ouço muita gente falando  “escrever não é para mim” , ou até mesmo que é algo como um dom, talento inato. Sim , não podemos negar que há pessoas com certa afinidade para determinadas coisas, mas nem só de talento vive o homem. Há pessoas que têm talento para matemática (não é o meu caso hahaha) , outras que não, mas todos temos que aprender a fazer contas independente de ser talentoso ou não. Todos temos que usá-la para passar no vestibular, concluir o Ensino Médio e faculdade. Hoje, vim falar da redação como algo que ela é: TREINO. Escrever é uma arte, mas é também MUITO MUITO MUITO treino.

Escrevo desde os 11 anos, quando publiquei meu primeiro livro. Escrever é minha vida, sempre pesquisei muito sobre o assunto e sobre a técnica. Dediquei algum tempo (bastante hahaha) da minha vida até aqui para praticar a escrita, me aprimorar nesse quesito. Sempre li muito, porque a escrita está direta e totalmente atrelada à leitura. É lendo que se ganha vocabulário, noção de construção textual e argumentação. Tudo isso nos dá bagagem para sentar e escrever sobre temas complexos, como é do caráter do ENEM pedir, e desenvolver o raciocínio a partir de seu conhecimento pessoal. Minha professora de redação da escola sempre brinca que escrever é algo direto e sem dramatização, que é 1% inspiração e 99% estudo e estudo e estudo!

Estou falando tudo isso porque sei o quanto estudar para vestibular pode ser estressante. Eu, que quero cursar medicina, sempre me cobrei muito mesmo! E se cobrar é bom, mas na medida saudável da coisa. Eu comecei, por vezes, a duvidar de mim mesma. Mas essa nota do ENEM veio para mostrar o quanto eu sou capaz e como meu esforço tem valido à pena. Por isso, é essa a mensagem que eu quero passar aqui: VOCÊS SÃO CAPAZES! Todos somos, nunca deixem ninguém dizer o que você pode ou não sonhar. Podemos alcançar o mundo, só precisamos de determinação e confiança em nós mesmos.

Sem mais delongas, minha redação. Espero que esse post tenha ajudado de alguma forma. 😉

 

 

Leave a reply
Diário De Uma Escritora Dramática – Drama#2

Leave Your Reply

Sobre mim

Ana Laura Marins

Oie, eu sou a Ana Laura, tenho 15 anos e criei este blog para compartilhar meus sonhos e descobrir o meu lugar no mundo. Gosto de café, dias chuvosos e sorrisos sinceros, além da minha mania incurável de contar histórias.

Translate »