O que a menina da foto está pensando?

4 Janeiro, 2019
Compartilhe nas redes sociais

Eu tenho andando meio sumida do blog esses tempos, assim como na escrita. Na realidade, andei meio sumida da minha vida ultimamente. “Laura, quando vem o próximo livro?, quando você vai voltar a escrever no insta? Cadê as crônicas?????”

A artista dentro de mim estava sufocada. Por alguma razão que eu não sabia explicar, alguma parte de mim estava brigando com a outra metade do meu coração; algo como a obrigação de fazer tudo direito e que TER que escrever. Tenho pensado muito sobre isso, tenho escrito muito no meu caderno sobre toda essa confusão dentro de mim e isso me ajudou  a clarear um pouco o caminho das coisas.

A obrigação aliena a paixão de criar. A obrigação de fazer tudo perfeito, de ter um prazo a cumprir, a TER QUE ESCREVER não funciona para mim e quebra meu processo criativo. Quando criei o blog, a intenção era fazer algo espontâneo e que trilhasse as vontades do meu espírito, algo que me fizesse feliz e não que colocasse amarras nos meus textos. Acontece que eu mesma andei fazendo isso.

Foquei no canal do Youtube, no insta… Só que, escrevendo agora sem me preocupar com nenhuma dessas amarras, parece que eu me reencontrei mais. Percebi que eu posso sim viver sem a escrita, mas que eu só serei eu de verdade quando tiver isso. Sou uma pessoa melhor quando escrevo, é parte de mim e rejeitar isso seria rejeitar a mim mesma.

Sim, tenho um original pronto mas não trabalhei em mais nenhum depois desse. Não era o momento, precisava dar um tempo para entender minhas vontades e procurar por uma história que me causasse aquela euforia tão conhecida e me envolvesse; precisava daquela história que me fizesse pensar ” caramba! Eu vou querer ler isso!” e só assim escrever, e não me forçar a escrever algo que não me encantasse por inteiro.

A vida não é uma batalha, e por isso, parei de guerrear comigo mesma. Minha artista interior fez as pazes com o meu coração e esses meus dois guias aventureiros estão prontos para mais uma jornada. Eu ainda não encontrei essa história incrível, mas estou mais aberta para que ela chegue e isso já me deixa curiosa para saber os próximos passos dessa jornada.

O que a menina da foto está pensando??? I AM BACK BABY!

 

Ana Laura Marins.

 

Leave a reply
Comece já: o que podemos fazer para moldar nossa autoestima?Diário De Uma Escritora Dramática – #1

Leave Your Reply

Sobre mim

Ana Laura Marins

Oie, eu sou a Ana Laura, tenho 15 anos e criei este blog para compartilhar meus sonhos e descobrir o meu lugar no mundo. Gosto de café, dias chuvosos e sorrisos sinceros, além da minha mania incurável de contar histórias.

Translate »