A menina que colecionava borboletas - Bruna Vieira

14 Julho, 2017

Oi oi meus amores! Tudo bem? As férias chegaram (ufa!) e as leituras estão a todo vapor! Ontem mesmo eu terminei um livro fantástico, do qual eu vou comentar aqui com vocês hoje. O livro é “A Menina que Colecionava Borboletas”, da Bruna Vieira. Confesso que ele estava abandonado na prateleira desde o ano passado, e só esse mês peguei para ler.

“A Menina que Colecionava Borboletas” é o terceiro livro da blogueira, que cada vez mais ganha espaço no mundo literário. Neste apanhado de crônicas, a autora escreve sobre como crescer nunca é simples, sobre o que deixamos para trás e como os rótulos podem nos fazer esquecer quem realmente somos.

“ A verdade é que a vida é curta demais para deixarmos que a transformem em um tribunal e fiquem julgando o que é ou não apropriado.  (pág.23)”

Cada vez mais longe dos quinze, Bruna reflete sobre os assuntos cotidianos que deveríamos dar mais atenção, suas decepções e alegrias, e que tudo bem sermos diferentes. O livro é repleto de metáforas que nos obrigam a pensar sobre as escolhas que fazemos para a nossa vida, e que se quisermos chegar em algum lugar, temos que olhar em volta primeiro.

a-menina-que-colecionava-borboletas

Sim, a vida não é fácil. A autora deixa isso bem claro, mas também passa a mensagem mais importante: de qualquer situação, boa ou ruim, podemos tirar uma lição e crescer a cada dia.

Finalizei a leitura em um dia, e ficou aquele famoso gostinho de quero mais. Com apenas dezenove anos, a blogueira prova que pode discutir sobre qualquer assunto e superar todas as dificuldades de cabeça erguida.

Bruna nos conta como foi sair de casa aos dezessete anos, deixar sua cidade de interior mineira para trás e se aventurar na grande São Paulo, com apenas seus sonhos esperando para serem realizados. Aprendeu que as pessoas vêm e vão, que não podemos parar o trem em movimento e que, uma hora ou outra, temos que sair do casulo e virar uma borboleta.

Qualquer um pode ler esse livro, indico para todas as idades e duvido que alguém não se identifique. Com certeza você vai terminar a leitura com mais de uma reflexão sobre a vida, e vai agir bem diferente.

Gostou e quer conhecer mais a Bruna? Entre no site dela http://www.depoisdosquinze.com/ e curta a vida dessa autora que conquista cada dia mais o coração dos leitores!

Um beijo e até o próximo post!

Ana Laura S. Marins

Leave a reply
O relógio, o tempo e as minhas palavrasEu escolhi seguir minha bússola

Leave Your Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *